20

jan

picjumbo.com_HNCK4385 (1)

Perigos e cuidados com o ouvido canino.

O ouvido canino é bem sensível e não é raro que os cães apresentem algumas doenças de vez em quando. A otite é a doença mais recorrente quando se trata do ouvido canino. É uma inflamação que causa coceiras severas nas orelhas dos peludos e muita dor, podendo deixá-los amuados, sem apetite ou até agressivos. Em casos mais graves a doença pode levar a surdez e outras alterações como por exemplo o animal começar a andar de lado. Nesses casos uma intervenção cirúrgica pode se fazer necessária. Mas além da otite existem outras doenças que devem ser devidamente diagnosticadas por um veterinário caso seu cão apresente os seguintes sintomas:

– Orelhas avermelhadas e com espessura mais grossa que de costume;

– Coceiras constantes na região;

– Acúmulo maior de sujeiras no ouvido;

– Secreções amareladas e com mau cheiro.

Ao identificar algum desses sintomas é imprescindível levar o animal ao veterinário para que haja um diagnóstico preciso e um tratamento adequado para a situação. Quanto antes o animal for diagnosticado é melhor para sua completa e rápida recuperação.

Mais do que remediar é muito importante prevenir doenças auriculares do seu amiguinho peludo. Para isso, uma higienização nas orelhas dele devem ser feitas quinzenalmente para que não haja acúmulo de sujeiras evitando inflamações. Confira abaixo um passo-a-passo simples de como garantir a higiene e saúde das orelhinhas peludas do seu amigo.

1 – Repare se a orelha do cão está muito suja. Se achar muita cera (cerúmen) ou estiver com odor forte, procure um médico veterinário;

2 – Separe o material necessário: algodão e ceruminolítico (loção específica para limpeza de ouvido);

3 – Faça uma bola com o algodão – ou, se preferir, enrole-o no seu dedo – e embeba-o na solução específica para a limpeza da região. Sem forçar a entrada do algodão ou do dedo no canal auditivo do cão, limpe a região de forma delicada, retirando o máximo possível de cera e sujeiras acumuladas;

4 – Em alguns casos, é recomendado que uma ou duas gotinhas do produto (específico para limpeza de cerúmen em cães) sejam pingadas no canal auditivo do pet seguido de uma leve massagem após essa aplicação para garantir uma limpeza mais profunda e eficaz.

** Não utilize cotonete ou objetos pontiagudos para alcançar a região interna auricular. Isso pode acarretar em grandes danos para a saúde do animal.

Agora é só prestar bastante atenção e cuidar da higiene do seu “orelhudinho” para que ele esteja sempre saudável e limpinho. :)

 

Comentários
TAGS